Pesquisar este blog

sábado, 13 de maio de 2017

A MISSÃO DE MÃE


Teknogonia (gerar filhos)

 

“Porque, primeiro, foi formado Adão, depois, Eva. E Adão não foi iludido, mas a mulher, sendo enganada, caiu em transgressão. Todavia, será preservada através de sua missão de mãe, se ela permanecer em fé, e amor, e santificação, com bom senso.”

(1 Timóteo 2:13-15 )

 

Introdução:

1.      Quando não havia a tecnologia predominava a teknogonia.

2.     As pessoas brincam que no passado os casais tinham maior número de filhos porque não existia televisão.

3.     A mãe nos planos do Criador.

4.     Ez 16:44  Eis que todo o que usa de provérbios usará contra ti este, dizendo: Tal mãe, tal filha.

5.     A criancinha no telefone, não sabe nem o significado das palavras, mas fica imitando a mãe.

6.     A missão de uma mãe não termina depois de 9 meses: (nem depois dos 9 anos e nem dos 90 anos)

7.     Até mesmo no reino animal isto é evidente as dificuldades de uma mãe no cumprimento de sua missão:

·         Os elefantes africanos ficam grávidos por 22 meses antes de terem seus filhotes. Esse é o maior período de gestação do reino animal.

·         Os orangotangos chegam aos 50 anos de vida, e cuidam de seus filhotes até eles atingirem nove anos de idade.

·         Uma das coisas mais odiadas sobre a gravidez humana é o ganho de peso. Inevitáveis, sim. Entre maior fluxo de sangue, seios maiores, o peso do bebê, o aumento do útero e vários outros fatores, em média, você deve pesar 12,5 quilos a mais no final da gravidez. Mas isso não é verdade para todas as pessoas – cada organismo é diferente, e o peso que você deve ganhar para continuar saudável deve ser discutido com seu médico.

·         Se 12 quilos para você parece o absurdo de todos os absurdos, agradeça por não ser uma ursa polar. Assim como outros animais que precisam engordar para poder ter um filho, a mamãe ursa tem que ganhar 200 quilos (através de gordura de foca) para ser capaz de engravidar.

 

ST: A MÃE QUE AMA A DEUS SÓ PRECISA DE QUATRO QUALIDADES:

 

I – FÉ . V.15 (CRENTE)

A.    De modo geral a pessoa que mais exerce influência na vida de uma pessoa é a sua mãe. Em segundo lugar de seu pai.

B.    O maior legado que uma mãe pode dar a seu filho é a fé.   pela recordação que guardo de tua fé sem fingimento, a mesma que, primeiramente, habitou em tua avó Lóide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também, em ti.” (2 Timóteo 1:5 )

C.    2Tm_1:5 pela recordação que guardo de tua fé sem fingimento, a mesma que, primeiramente, habitou em tua avó Lóide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também, em ti.

D.   Heb_11:11 Pela fé, também, a própria Sara recebeu poder para ser mãe, não obstante o avançado de sua idade, pois teve por fiel aquele que lhe havia feito a promessa.

 

II – O AMOR. (AMOROSA)

A.    Esta é a segunda qualidade indispensável em uma mãe.

B.   O natural de uma mãe é sentir amor pelo seu filho. Mas existem mães desnaturadas.

C.    Rom_16:13 Saudai Rufo, eleito no Senhor, e igualmente a sua mãe, que também tem sido mãe para mim.

D.  (Isaías 49:15) “Acaso, pode uma mulher esquecer-se do filho que ainda mama, de sorte que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta viesse a se esquecer dele, eu, todavia, não me esquecerei de ti.”

E.   Maria na cruz, apesar de sua fé, sentiu grande tristeza ao ver seu filho Jesus em sofrimento.

F.    As duas mães prostitutas que levaram sua causa a Salomão.

 

III – SANTIFICAÇÃO (CONSAGRAÇÃO)


A.    A mãe de Timóteo o conduziu por um caminho glorioso da fé.

B.    Mas há mães que arrastam seus filhos para a perdição.

C.    Tito nos mostra na pratica como que algumas mães podem ser exemplos de santificação:

D.  Rebeca a Jacó (ensinou seu filho a enganar o pai)

E.    Gên 27:8-9  Agora, pois, meu filho, atende às minhas palavras com que te ordeno.  (9)  Vai ao rebanho e traze-me dois bons cabritos; deles farei uma saborosa comida para teu pai, como ele aprecia;

F.     Gên 27:11-13  Disse Jacó a Rebeca, sua mãe: Esaú, meu irmão, é homem cabeludo, e eu, homem liso.  (12)  Dar-se-á o caso de meu pai me apalpar, e passarei a seus olhos por zombador; assim, trarei sobre mim maldição e não bênção.  (13)  Respondeu-lhe a mãe: Caia sobre mim essa maldição, meu filho; atende somente o que eu te digo, vai e traze-mos.

G.    2Cr_22:3 Sua mãe, filha de Onri, chamava-se Atalia. Ele também andou nos caminhos da casa de Acabe; porque sua mãe era quem o aconselhava a proceder iniquamente.

H.   (Tito 2:3-5) - Quanto às mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias em seu proceder, não caluniadoras, não escravizadas a muito vinho; sejam mestras do bem,  a fim de instruírem as jovens recém-casadas a amarem ao marido e a seus filhos,  a serem sensatas, honestas, boas donas de casa, bondosas, sujeitas ao marido, para que a palavra de Deus não seja difamada.

 

IV – BOM SENSO (DOMÍNO PROPRIO – SOBRIEDADE)


A.    Ninguém conhece melhor a seu filho do que a mãe.

B.    1Rs 2:19-21  Foi, pois, Bate-Seba ter com o rei Salomão, para falar-lhe por Adonias. O rei se levantou a encontrar-se com ela e se inclinou diante dela; então, se assentou no seu trono e mandou pôr uma cadeira para sua mãe, e ela se assentou à sua mão direita.  (20)  Então, disse ela: Só um pequeno pedido te faço; não mo rejeites. E o rei lhe disse: Pede, minha mãe, porque to não recusarei.  (21)  Disse ela: Dê-se Abisague, a sunamita, a Adonias, teu irmão, por mulher.

C.    1Rs 2:23  E jurou o rei Salomão pelo SENHOR, dizendo: Deus me faça o que lhe aprouver, se não falou Adonias esta palavra contra a sua vida.

1.      Bom senso significa em ter um equilíbrio entre a equidade e a misericórdia.

2.     Bom senso é saber a hora de dizer sim, e a hora de dizer não a seu filho.

3.     Bom senso é perceber quando seu filho precisa de afago ou da vara*.

4.     Bom senso é ensinar seu filho o caminho que deve andar, pois quando for velho, não se desvirará dele.

Conclusão:

O filho que abandonou a mãe deixando-a só em momentos em que ela muito precisava. Despois de muitos anos escreveu um telegrama, estava voltando de trem. Caso ela o recebesse de volta que atasse um lenço branco no cajueiro em frente a sua casa em que passaria de trem, caso ele não visse o lenço passaria direto e não desceria na estação. Para sua surpresa: o cajueiro estava cheio de lenços brancos.

* Vara = Salomão refere-se a uma varinha fina e flexível e não  a um cabo de vassoura, pedaço de pau ou palmadas, isto é agredir. E a disciplina é aplicada somente em casos da desobediência e rebeldia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário